fbpx
Praça do Coreto, em Armação, concentrou a folia

PENHA – A Praça do Coreto, em Armação, concentrou a maior parte do público do carnaval deste ano com a animação de bandas e blocos regionais.  A Secretaria de Turismo estima que cerca de 50 mil pessoas passaram o feriado na cidade, que aposta na tradição do carnaval de rua para atender ao público local e aos turistas.

A festa foi comandada pelos blocos Raizera, da Praia Grande, e dos Sujos, de Armação; além da apresentação das bandas Jacarezinho (sexta e domingo), Cor do Sol (sexta-feira) Vibe Diferente e Incandescente (sábado) e Torre de Babel (domingo).

Continua depois da Publicidade

No sábado o Bloco Raizera desfilou com samba enredo próprio, que homenageou o Mastro de São Sebastião, e levou alegria até a Praça do Coreto. O novo secretário de Turismo, Édpo Bento, destacou o contexto do Carnaval local:

“Diferente dos outros carnavais da região, voltados para os jovens, aqui fizemos um Carnaval mais tranquilo, voltado para a família e para o pessoal nativo. Ainda assim, contamos com um grande público, com muito turistas, que superou as nossas expectativas” - avalia.

 

O domingo contou com a apresentação do tradicional Bloco dos Sujos, da Banda Torre de Babel e de um público que encheu a Pracinha do Coreto e curtiu com muita descontração.

Paulo Ricardo, 31 anos, sempre frequenta o Bloco dos Sujos e comentou sobre a festa deste ano.

“Estava muito bom. A organização está há tempos trabalhando para que fosse o sucesso que foi. Eu gostei de tudo, samba enredo, público e estrutura que foi montada. Foi tudo bem familiar como todos os anos. Não vi nenhuma confusão” - conta.

Leia também:
Carnaval na praia movimenta comércio e setor de serviços no fim da temporada de verão
 
  • 1
  • 2
X

Right Click

No right click