fbpx

O uso de plantas em tratamentos alicerçados na fé é um conhecimento popular forjado a partir do convívio entre diversos povos e que faz parte das tradições do litoral catarinense. A valorização dessa herança cultural é o foco do 1º Encontro Regional de Benzedeiras, Benzedores e Rezadeiras, que será promovido pela Secretaria de Saúde e Fundação de Cultura de Balneário Piçarras dia 21 de novembro.

De acordo com a Prefeitura, o evento será às 14h, no Centro Cultural Luiz Telles. Até lá, os organizadores estão convidando pessoalmente as benzedeiras locais e da região. Elas vão participar de roda de conversa sobre Cultura e Saúde. Também está prevista apresentação cultural, com detalhamento das plantas medicinais durante um chá da tarde.

Continua depois da Publicidade

“Estamos em um trabalho de busca para localizar essas pessoas. Já temos conhecimento sobre algumas e vamos fazer uma visita para realizar o convite”, adiantou a presidente da Fundação, Silvana Rebello.

A naturóloga da Secretaria de Saúde, Priscilla Cardoso Jorge, explica que o benzimento é um costume antigo, cuja expressão vem do latim “bene dicere”, ou “bem dizer”.

“A Organização Mundial da Saúde (OMS) já admite a questão espiritual e existe muito estudo sobre espiritualidade na prática clínica”, completa.

O encontro terá acesso gratuito e será aberto ao público em geral. Trata-se de iniciativa para promover a Política Nacional de Plantas Medicinais e Fitoterápicos, na qual também se enquadram as Farmácias Naturais que já funcionam em quatro unidades de saúde do município.

“O valioso conhecimento tradicional associado ao uso de plantas medicinais é capaz de ajudar na qualidade de vida da população”, reforça Priscilla, que desenvolve um intenso trabalho na cidade.

Farmácias naturais

Quem se interessa pelo uso de chás e plantas medicinais pode ter acesso a essas terapias por meio do Sistema Único de Saúde (SUS). Em Balneário Piçarras, o projeto Farmácia Natural desenvolve atividades nas unidades básicas de saúde dos bairros Lagoa, Morro Alto, Conceição e Santo Antônio.

Hortas foram elaboradas nas Unidades Básicas de Saúde (UBS’s) e os usuários recebem orientações de uso para cada planta. O objetivo é levar à comunidade informações de como obter uma vida mais saudável por meio do uso correto dos alimentos e plantas medicinais.

Leia também: 
 
 
 
Mais sobre: benzimento;
* COM INFORMAÇÕES DA ASSESSORIA DE IMPRENSA
 
  • 1
  • 2
X

Right Click

No right click