Publicidade
Promenac Penha - Mais perto de você
Em Barra Velha, Balneário Piçarras e Penha, mais de 40 mil pessoas foram às urnas

Da Região - Apoiadores do presidente eleito Jair Messias Bolsonaro, e do governador eleito de Santa Catarina, Carlos Moisés da Silva, foram às ruas para festejar o resultado do segundo turno da eleição majoritária. Os candidatos do Partido Social Liberal (PSL) receberam mais de 70% dos votos válidos no estado e também em Barra Velha, Balneário Piçarras e Penha, onde 44.333 eleitores foram à urnas no domingo, 28 de novembro.

Nos três municípios, ao todo 9.947 eleitores aptos a votar não compareceram no segundo turno. O percentual de abstenções ficou abaixo da média estadual (16%) em Penha e Piçarras, mas em Barra Velha representou mais de um quarto do eleitorado, com mais 5.700 ausências. Os votos válidos, nulos e brancos ficaram no mesmo patamar nos três municípios.

Publicidade
    Comparecimento  - *Para presidente  
   Barra Velha      Piçarras       Penha    SC
 Eleitores aptos  23.003 13.720 17.557 5.073.146
Presença 17.244
(74,96%)
11.808
(86,06%)
15.281
(87,04%)
4.217.534
(83,13%)
Abstenções 5.759
(25,04%)
1.912
(13,94%)
2.276
(12,96%)
  855.612  
(16,87%)
FONTE: TRE/SC - Veja o resultado completo

As promessas de mudanças na área econômica, no combate à criminalidade e à corrupção motivaram eleitores de Jair Bolsonaro como Leandro Galutti Lugli, de 26 anos. Ele acredita em um “choque de gestão” já a partir da transição de governo:

“Uma vez que o viés ideológico do governo atual é bem diferente do Bolsonaro, acredito que a partir de amanhã [29/10] já iremos sentir os primeiros impactos econômicos, tendo em vista a cotação do dólar e a variação na Bolsa de Valores”, afirma o morador de Penha.

Confira o resultado na região:

   Presidente   
    Barra Velha      Piçarras        Penha    
Jair Bolsonaro (PSL)
Jair Bolsonaro (PSL)
1º TURNO
11.987
(74,61%)
8.131
(71,49%)
10.597
(73,21%)
2º TURNO
13.122
(81,85%)
8.993
(81,59%)
11.931
(83,96%)
Haddad (PT)
Fernando Haddad (PT)
 
 
1º TURNO
1.784
(11,10%)
1.231
(10,98%)
1.244
(8,59%)
2º TURNO
2.909
(18,15%)
2.029
(18,41%)
2.280
(16,04%)
 
Branco 2º TURNO 724
(4,20%)
248
(2,10%)
319
(2.09%)
Nulo 1.319
(7,65%)
538
(4,56%)
751
(4,91%)
         
FONTE: TRE/SC - Veja o resultado completo

 

       Governador     
    Barra Velha      Piçarras        Penha    
Comandante Moisés
Comandante Moisés (PSL)
1º TURNO
5.240
(35,78%)
3.874
(37,89%)
5.100
(38,53%)
2º TURNO
11.467
(75,44%)
8.031
(77,01%)
10.630
(78,07%)
Merísio
Gelson Merísio (PSD)
1º TURNO
1.784
(11,10%)
1.231
(10,98%)
1.244
(8,59%)
2º TURNO
3.734
(24,56%)
2.398
(22,99%)
2.986
(21,93%)
FONTE: TRE/SC - Veja o resultado completo

Do lado de quem votou em Fernando Hadad, do Partido dos Trabalhadores (PT), o resultado decepcionou os que acreditavam em uma virada nos últimos dias da campanha e a expectativa agora é para a formação de uma frente de oposição:

“Uma hora a ficha vai cair por ter sido uma campanha baseada em cima de notícias falsas e vazias. Não será sucateamento os setores públicos e indo contra os movimentos sociais que o Brasil irá sair da crise e nem só com repressão policial que a criminalidade irá diminuir”, afirma o estudante penhense Ícaro Schneider Loss (18).

As estratégias para enfrentar um cenário de crise, com recessão, déficit orçamentário e desemprego em alta ainda não estão claras. E a falta de debate em torno dos planos de governo foi o principal ponto negativo para Paulo Henrique, de 24 anos:

“Achei que ficou muito em cima de brigas eleitorais desnecessárias e não foi discutido projetos e planejamento de governo”.

Publicidade
  • 1
  • 2
Publicidade
Rádio Pérola FM
X

Right Click

No right click