Publicidade
Cartório de Piçarras fica no cruzamento das avenidas Nereu Ramos e Getúlio Vargas

De acordo com a Justiça Eleitoral, mulheres são a maioria do eleitorado em Barra Velha, Penha e Piçarras

A menos de um mês para o fim do prazo, os cartório eleitorais das comarcas de Piçarras, que também abrange Penha, e de Barra Velha registram baixa na procura por transferência eleitoral e emissão de novos títulos. Quem quer fazer o primeiro título, transferir o domicílio ou regularizar alguma pendência e não pretende pegar fila precisa que se apressar. O prazo termina dia 7 de maio.  É preciso apresentar: documento de identidade com foto, comprovante de residência e quitação do serviço militar.

Publicidade

A tendência, segundo a chefia do Cartório, é de que o movimento aumente no começo de maio. Hoje, em média 20 títulos são emitidos por dia para eleitores das duas cidades, até 7 maio esta demanda deve subir para a 200 solicitações diárias.

A chefe do Cartório Eleitoral, Milene Gadanhim Chamma Possamai, pede que as pessoas não deixem para última hora. “Recomendamos que os eleitores procurem o cartório o quanto antes. Nas últimas eleições, no último dia do prazo, tivemos filas que chegavam até o cruzamento com a avenida Getúlio Vargas”, recorda Milene.

Mulheres são maioria

Continua depois da Publicidade

Se as eleições fossem neste mês de abril, iriam às urnas em Balneário Piçarras 13.261 eleitores, dos quais 6.820 mulheres e 6.441 homens. Na Penha, estão registrados hoje 18.465 eleitores, dos quais 9.637 são mulheres e 8.828 são homens. Em Piçarras, a Câmara de Vereadores tem apenas uma vereadora entre os onze parlamentares, mesmo panorama de Penha.

O cartório de Balneário Piçarras fica na avenida Nereu Ramos, 645, Centro. O atendimento é prestado de segunda a sexta-feira, das 12h às 19 horas. No site do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) (www.tse.jus.br) é possível fazer o pré-atendimento e agilizar a retirada ou a transferência do título. Ao acessar o serviço, conhecido como Título Net, basta preencher os campos de identificação e apresentar o protocolo gerado on-line em uma unidade de atendimento da Justiça Eleitoral, com a documentação exigida. As solicitações realizadas via internet devem ser feitas até 2 de maio.

Barra Velha tem aumento no número de eleitores

Em Barra Velha, a procura para se regularizar junto à Justiça  Eleitoral também é considerada baixa, mas expectativa é de que comece a aumentar a partir desta semana. “Já é perceptível um aumento no atendimento, pois normalmente atendemos no máximo dez pessoas [por dia] e agora já está passando de vinte, mas com base em eleições passadas nós sabemos que o povo deixa pra última hora”, avalia Rodrigo Sabadin Hexsel, analista jurídico do Cartório Eleitoral.

Até esta semana, o município contabilizou um aumento de cerca de mil eleitores que transferiram o título ou que vão votar pela primeira vez. Se as eleições fossem hojem 18.009 mil eleitores iriam às urnas em outubro. Desse total, 8.703 são homens e 9.306 são mulheres. Outro dado revelador do perfil do eleitor barravelhense é ataxa de analfabetismo . De acordo com a Justiça Eleitoral, 1.373 eleitores são analfabetos funcionais, ou seja, sabem ler e escrever, mas não conseguem interpretar textos simples. Outros 548 são analfabetos.

Continua depois da Publicidade

 

*Reportagem: Alan Willian (Barra Velha

Rogério Pinheiro (Piçarras e Penha)

Edição: Leandro Cardozo de Souza

Publicidade
X

Direitos Reservados

No right click