Publicidade
Equidade de gênero: plenário terá mais mulheres entre os parlamentares a partir de 2017

 

Legenda que mais cresceu foi a do PSDB; na oposição, PP tem a segunda maior representação da Câmara

Publicidade

 

A partir de 1º de janeiro de 2017, a Câmara de Vereadores de Balneário Piçarras terá novas caras. Das 11 vagas disponíveis, só duas serão ocupadas por parlamentares reeleitos e nove por novos nomes. A mudança registrada no domingo (2) representa 73% do quadro da legislatura municipal.


Entre os vereadores que não conseguiram se reeleger estão Oswaldo Moreira Júnior (PP), Osmar Fidelis (PMDB), Maurício Köche (PP), Leandro Rech (PSDB), e Oscar Francisco Pedroso, o Tampa (PMDB), que concorreu ao cargo de prefeito.

Continua depois da Publicidade


O presidente da casa, Antônio Luiz Beduschi, foi candidato a vice-prefeito na chapa de Tampa.


Os vereadores Francisco Coradini e Júlio César Teixeira, ambos do PP, não concorreram.


Marly Dulcinéia da Silva Santana, a Ziza (PSDB), Gercino Medeiros (PP) e Ademar de Oliveira, o Galo (PT) foram os vereadores que conseguiram se reeleger. Na primeira eleição, Galo era filiado ao PSDB.


Já os vereadores eleitos pela primeira vez são: Lucimir Uller Bittencourt (PSDB), Antônio Pera (PMDB), João Bento Moraes (PSDB), Dalva Teixeira (PP), Antônio Pedro (PSD), Paulo Henrique Nóbrega Coral (PSDB), Cesinha Vieira (PP) e Maurino da Cunha (PSDB).


Mais mulheres em 2017

Continua depois da Publicidade


O número de mulheres eleitas para o cargo de vereador na Câmara Municipal de Piçarras triplicou. Em 2017, três mulheres estarão ocupando as 11 vagas disputadas nas eleições.


Na atual gestão do Legislativo, apenas uma mulher é vereadora, ou seja, 9% do total. No ano que vem, as mulheres vão representar 27% da Câmara.
A candidata a vereador mais bem votada em Piçarras foi Lucimir Uller Bittencourt, que obteve 813 votos.


A candidata Marly Dulcinéia da Silva Santana, a Ziza (PSDB), conseguiu se reeleger. Lucimir e Dalva Teixeira (PP) vão estrear no Legislativo Municipal em 2017.


Composição da Câmara:


O PSDB, do candidato a prefeito reeleito, Leonel Martins, terá a maior bancada na Câmara. Leonel deve ter a maioria, já que o vereador eleito Antônio Pedro (PSD) é do mesmo partido do vice-prefeito Flávio Tironi.

Continua depois da Publicidade


O PP deve se manter na oposição em 2017. Já PMDB e PT ainda não definiram se vão apoiar ou não o governo de Leonel Martins. Atualmente, ambos estão na oposição.


Neste ano, o PMDB, que apoiou Umberto Teixeira (PP) em 2012, e o PT, que apoiou Leonel, disputaram juntos a eleição majoritária com o atual vereador Oscar Pedroso, o “Tampa” e o também vereador Antônio Beduschi de vice. Os petistas saíram do governo Leonel em março de 2014, quando deixaram de ocupar a Secretaria de Assistência Social.

 

NOVA CÂMARA

BANCADA GOVERNISTA*

 

Lucimir
6.61%
813 votos

Continua depois da Publicidade

 

João Bento
3.58%
440 votos

 

Antônio Pedro
2.07%
255 votos

 

Dr. Paulo
4.59%
565 votos

 

Maurino
3.32%
408 votos

 

Ziza - REELEITA
3.15%
388 votos

 

OPOSIÇÃO *

 

Pêra
3.13%
385 votos

 

Ademar Galo - REELEITO
3.03%
373 votos

 

Gegê - REELEITO
2.47%
304 votos

 

Cesinha
2.22%
273 votos

 

Dalva
2.18%
268 votos

Publicidade
X

Direitos Reservados

No right click