Publicidade
Renovação na Assembleia será de 32,5% na próxima legislatura.

Eleições proporcionais servem de termômetro para a política local

Penha – As eleições para deputado estadual e federal acabam por acirrar a rivalidade entre as correntes políticas que almejam o poder no município. A disputa entre os candidatos dos partidos do prefeito Evandro dos Navegantes (PSDB) e dos vereadores oposicionistas Professora Juraci Alexandrino (PMDB) e Sergio de Melo (PMDB) confirma que as duas siglas ainda somam o maior número de eleitores. Nessa disputa também entram o DEM, do vice prefeito Mario Guaracy, e o PP, do candidato Johnny Coelho.

Publicidade

Deputado Estadual

O candidato mais votado para a Assembleia Legislativa é o médico cirurgião Elcio Kuhnen, que não foi eleito, mas somou 1.882 votos, o que representa 14,63% dos votos válidos no município. Ele foi apoiado pelo Democratas (DEM), partido do vice prefeito Mario Guaruacy (DEM). “O nome foi muito bem aceito. Nós estamos muito satisfeitos porque fechamos cem por cento com Dr Elcio. O Democratras é um partido que perdeu muitos quadros em função da dissidência de muitos membros que fundaram outro partido. Mas temos novos nomes como o do Dr Elcio, que teve muita aceitação na Penha”, avalia.

Apoiado pelo prefeito Evandro dos Navegantes, o candidato do PSDB Leonel Pavan recebeu 13,68% dos votos válidos (1.760 votos). Segundo o vice-presidente do PSDB de Penha, Misael Cordeiro, o ex-senador já ajudou o município: “Ele já viabilizou muitos recursos, inclusive todo o asfalto e pavimentação da Santa Lídia. Muitos projetos já estão cadastrados no governo do Estado, alguns já conseguimos através de outros Deputados, mas temos outros aqui na Prefeitura para solicitar a ele”, garante  Cordeiro.   

Continua depois da Publicidade

Com 1.097 votos (8,53%), Johnny Coelho, do Partido Progressista, é o terceiro mais votado para deputado estadual na Penha. Ele também não se elegeu, mas faz um balanço positivo da campanha. “Para quem não recebeu apoio local nenhum e investiu muito pouco, o resultado está ótimo tendo em vista as campanhas milionárias que vimos passar por aqui”, avalia.

Sem representantes no governo municipal ou na Câmara de Vereadores, o Partido da República (PR) apoiou o vereador itajaiense Cleyton Batschauer, que somou 192 votos no município (1,49%) e não se elegeu.

Deputado Federal

O candidato reeleito do PSDB Marco Tebaldi foi mais votado para a Câmara dos Deputados com 2.668 votos - 21,90% dos votos válidos de Penha. Antes do período eleitoral, o diretório municipal do partido tucano pretendia apoiar Dado Cheren, que deixou de participar da eleição para assumir uma cadeira no Tribunal de Contas do Estado (TCE). Na corrida para o cargo de deputado federal, a sigla governista somou o maior número de votos.

Já o principal partido da oposição, o PMDB, preferiu pulverizar seu apoio a três candidatos. A ala liderada pela vereadora Professora Juraci Alexandrino apoiou o eleito Mauro Mariani, que somou 600 votos (4,92%). Os peemedebistas ligados ao ex-prefeito Julcemar Coelho fecharam em torno de dois nomes: do ex-secretário regional Dão Koeddermann, que fez 598 votos (4,91%) mas não se elegeu; e do reeleito Peninha, que somou 399 votos (3,27%). Ao todo os candidatos do PMDB somaram 1.597 votos, ou 13,1% dos votos válidos.

Continua depois da Publicidade

- O PMDB assumiu esses candidatos com força, e todos os nossos companheiros do PMDB não estão no governo, fizemos tudo sem nenhuma estrutura de campanha, trabalhamos com o que tínhamos, em comparação a estrutura do governo municipal, fizemos sim uma votação esplêndida - avalia a vereadora Maria Juraci Alexandrino (PMDB).

O candidato do PR, Jorginho Melo, recebeu 261 votos. “Somos apenas um grupo que ainda falta a agregação de mais afiliados, mas fizemos uma boa votação já que estamos a menos de um ano no município. Podemos dizer que foi dentro da nossa expectativa”. avalia o vice presidente do partido, Flamarion Dias.

Apoiado pelo PP local, o ex-governador Espiridião Amin foi a escolha de 583 eleitores, o sexta mais votado de Penha, com 4,78% dos votos válidos.

* Acadêmica de Jornalismo

Publicidade
X

Direitos Reservados

No right click