fbpx
Lideranças locais têm 30 dias para apresentar sugestões

PENHA - O modelo urbanístico e paisagístico a ser adotado na orla das praias do Quilombo e Armação do Itapocorói começou a der debatido nesta semana. A pedido do Governo Municipal, a Associação dos Municípios da Foz do Rio Itajaí (Amfri) elaborou dois projetos para implantação de um parque linear com ou sem tráfego de veículos em toda a extensão do passeio público a ser construído.

A proposta inicial foi apresentada dia 16 a empresários, lideranças políticas e ambientais pelo prefeito Aquiles Costa, que se posiciona favorável à abertura de via sem circulação de veículos automotores. Os participantes têm 30 dias para emitir um parecer ou sugerir mudanças.

Continua depois da Publicidade

O trecho, estimado em 4km, passa pelas praias da Fortaleza, Pedrinhas, entre outras, até chegar à região do coreto e do trapiche. Segundo a assessora da Amfri, Adelina Cristina Pinto, estão previstos pontos para inclusão de pistas de caminhada, de ciclismo, quiosques e bolsões.

A Prefeitura destacou que o conceito atende às prioridades determinadas em consulta realizada pelo prefeito por meio de rede social. De acordo com Aquiles, esse modelo foi o escolhido por 77% dos moradores que interagiram e vai servir de base para o projeto executivo da obra.

A ideia é reformular o trecho já urbanizado nos anos 1990 na Praia do Quilombo e integrá-lo às demais praias, onde vias deverão ser abertas ou refeitas. O Plano Diretor do Município permite uso e ocupação da orla com abertura para circulação de pessoas nas áreas que não têm via pública.

2019_08_23_15h35_penha_quilombo_2.jpg
Em reunião com lideranças locais, prefeito apresentou conceito elaborado pela Amfri (Foto: Divulgação | PMP)

O Governo Municipal ainda não definiu prazos e orçamentos, mas o prefeito estima que será possível executar a obra com recursos próprios e financiamento.

Na reunião de apresentação do projeto, Aquiles afirmou que a via sem circulação de veículos automotores será a opção a ser executada pelo Governo Municipal.

Participaram da reunião associações de moradores, representantes do Projeto Orla, Conselho Municipal de Meio Ambiente (Condema), Câmara de Vereadores e Conselho da Cidade (Concidade).

* Com informações da PMP
  • 1
  • 2
X

Right Click

No right click