fbpx
De volta à escola, alunos não devem ficar sem professores, vagas estão quase todas preenchidas

 

Na região de Itajaí, cerca de mil admitidos em caráter temporário foram selecionados

Continua depois da Publicidade

 

As escolas estaduais de Barra Velha, Balneário Piçarras e Penha correm para deixar tudo pronto para receber os alunos neste início do ano letivo. As Gerências Regionais de Educação (Gered) escolhem professores admitidos em caráter temporário (ACTs) que vão atuar nas escolas da região. O ano letivo começa no dia 22 de fevereiro.


Na Escola Adolfo Cabral, no bairro Santo Antônio, o diretor Fernando Schweger de Souza pretende chamar sete professores ACTs.


- Mandamos uma planilha pedindo sete professores. Estamos hoje com 180 alunos matriculados no Ensino Fundamental, do 1º ao 9º ano - explica.


A novidade neste ano na unidade escolar, segundo Souza, será a instalação de aparelhos de ar-condicionado nas salas de aula.


- Não tínhamos até o ano passado. Com a troca do sistema elétrico, vamos poder instalar os aparelhos de ar-condicionado antes do dia 22. Neste ano queremos também melhorar a nossa nota no Ideb (Índice de Desenvolvimento da Educação Básica - conta.


Na maior escola de Piçarras, a Alexandre Guilherme Figueredo, a contratação de professores será baixa.


- Tivemos transferência de professores efetivos de outras escolas. Alem disso, temos apenas duas vagas no Ensino Fundamental por falta de procura.


Com isso, abrimos cerca de dez vagas - conta a diretora Marisa Petrykowski, acrescentando que pretende implantar o uso de uniforme escolar ainda neste ano.


- Queremos implantar o uso de uniforme na escola. O estado não fornece uniformes. Vamos fazer um concurso para a escolha do modelo entre os alunos. O uniforme será cobrado, mas isso vai passar primeiro pela decisão dos pais - explica.


Penha


Na Escola Manoel Henrique de Assis, em Penha, 15 professores ACTs devem ser chamados.


- Estamos com 50 professores e devem ser chamados entre 10 a 15 novos docentes. Tivemos um número grande de matrículas e hoje a escola está com 1.200 alunos - destaca a diretora Cristiane Mariano Machado.


Segundo Cristiane, a escola está finalizando a manutenção para receber os estudantes no dia 22 de fevereiro.


- Está sendo feita toda a revisão da parte elétrica, de ventiladores a aparelhos de ar-condicionado. Nossa prioridade neste ano é melhorar a nota da escola no Ideb - adianta a diretora.


A região tem mais de 30 mil alunos matriculados em 42 escolas estaduais.


Até 2015, aproximadamente dois mil professores, entre ACTs e concursados, fazia parte do quadro de funcionários da Gered de Itajaí.


O salário para professores iniciantes com 40 horas/aula é de R$ 2.307,00.


Barra Velha


As duas escolas estaduais de Barra Velha solicitaram à Gerência Regional de Educação de Joinville (Gered) um total de 36 professores ACTs para atuar no ano letivo de 2016.


Na David Pedro Espíndola, no bairro São Cristóvão, foram chamados cinco docentes, e outros sete professores secundários, para atuarem com alunos com algum tipo de deficiência. Até sexta-feira (12), apenas as vagas dos professores secundários não haviam sido preenchidas porque não tinham sido disponibilizadas no sistema, de acordo com a diretora Sônia Marilda Karnopp.


Já para a escola Conselheiro Astrogildo Odon Aguiar, no Centro, foram solicitados 17 professores para atuar nas salas de aula e mais sete professores secundários para atender alunos com necessidades especiais.


Diferentemente da David Pedro Espíndola, apenas os professores secundários foram contratados até sexta-feira (12) – também devido a um problema no sistema Os demais ficaram para uma segunda chamada, nesta semana.

 

  • 1
  • 2
X

Right Click

No right click