Publicidade

REGIÃO - Devem seguir para Minas Gerais até a próxima terça-feira, dia 11, as doações locais para as vítimas da chuva durante o mês de janeiro. A ação é coordenada pela Defesa Civil regional, com aval dos governos catarinense e mineiro, a pedido de quatro cidade atingidas. A lista de itens de primeira necessidade inclui: produtos de higiene pessoal, água potável, material limpeza, alimentos não perecíveis e roupa de cama.

O material arrecadado com apoio de Prefeituras e empresários da região é armazenado no Parque do Agricultor Gilmar Graff, em Itajaí, onde também possível fazer doações. Nesta terça-feira, dia 04, o município de Penha encaminhou os primeiros donativos, que também são arrecadados em Camboriú, Balneário Camboriú, Itajai, Ilhota, Jaraguá do sul, Ascurra e Indaial.

Publicidade

Segundo o coordenador regional de Proteção e Defesa Civil, Daniel Bazanella Cardoso, também é possível entrar em contato pelo telefone 3398 6376 para solicitar a coleta dos donativos.

“Temos uma lista com as necessidades de quatro municípios que batem com pedidos feitos para o Estado.E agora os empresários estão arrecadando e listando tudo que será enviado, com base na necessidade. Assim que essa carga estiver pronta será encaminhada para uma Regional, próxima aos 4 municípios que estamos em contato, para distribuição. Estamos nos organizando pra arrecadar o máximo de donativos...”, explica Bazanella.

Retribuição

Em Penha, a ajuda às vítimas das enchentes em Minas Gerais partiu de uma parceria entre Defesa Civil, secretarias de Assistência Social e Educação, com apoio da entidade “Encontro do Amor”, onde o material foi reunido durante o fim de semana (01 e 02).

“Ficamos felizes em participar dessa ação. É uma forma de retribuirmos o apoio que recebemos de todo o Brasil quando também fomos vítimas dos estragos das enchentes”, lembra a coordenadora da Defesa Civil de Penha, Ednéia Correa.

Os principais itens doados pelos penhenses foram roupas, além de alimentos e garrafas de água.

Tragédia

O número de atingidos pelas chuvas em Minas Gerais passou de 55,7 mil e o de mortos chegou a 55, segundo dados da Defesa Civil estadual divulgados pela Agência Brasil dia 30/01. Também foram contabilizados 45,3 mil desalojados e 8,3 mil desabrigados.

As cidades do interior concentram a maioria dos desalojados (36,8 mil) e desabrigados (6,6 mil). Na região metropolitana de Belo Horizonte há 8,4 mil desalojados e 1,7 mil desabrigados.

Leia também:
Hemosc reforça chamado público para doação de sangue durante o verão no estado
Enchente coloca Penha em estado de emergência pela segunda vez em 30 dias
Publicidade
X

Direitos Reservados

No right click