Publicidade

Beto Carrero
Imagens aéreas  do sistema da prefeitura mostram lotes que foram desapropriados em 2008
Decretos do então prefeito Leonel Martins (PSDB) declaram de utilidade pública área vizinha, mas um lote pode ter ficado fora; um proprietário alega não ter sido indenizado e o PA, pronto para atender a população há mais de um mês, está interditado.
Profissionais da saúde fazem protestos contra o Programa Mais Médicos

O ministro da Educação, Aloizio Mercadante, informou hoje (31) que o governo vai alterar a proposta do Programa Mais Médicos de ampliar em dois anos os cursos de graduação em medicina. A ideia era aumentar de seis para oito anos o tempo da graduação, com os dois últimos anos de trabalho no Sistema Único de Saúde (SUS). Segundo Mercadante, a proposta será levada ao relator da medida provisória que cria o programa, deputado Rogério Carvalo (PT-SE).

Cleiby: licitação é parte dos R$ 1,7 milhões anunciados para a saúde em 2013

A prefeitura de Penha lança nesta quinta-feira, 1º de agosto, edital de licitação para a aquisição de dois veículos para a secretaria de saúde. As mini-vans deverão ser destinadas ao atendimento e transporte de pacientes do município. 

Reunião na Câmara entre prefeito, secretários e proprietários de salgas discutem fiscalização

Prefeitura anunciou em reunião nesta segunda-feira (29) que vai emitir selo de inspeção sanitária para os estabelecimentos que se adequarem às normas do município. Uma operação do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) e MP/SC, dia 24, resultou no fechamento de aproximadamente 20 estabelecimentos que não possuíam o serviço de inspeção sanitária.

Manipulação do pescado  precisa atender as normas sanitárias
A Secretaria Estadual da Agricultura e da Pesca e o Sindicato dos Armadores e das Indústrias de Pesca de Itajaí e Região (Sindipi) reuniram nesta semana proprietários e trabalhadores de salgas em Itajaí, Piçarras, Navegantes e Penha. Na pauta do encontro, a operação conjunta do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) e Ministério Público de Santa Catarina (MP/SC) que resultou no fechamento de aproximadamente 20 estabelecimentos que não possuíam o serviço de inspeção sanitária. O debate dia 15, resultou em uma proposta que deve ser apresentada ao Mapa e ao MP/SC em reunião marcada para a terça-feira (16), às 14h, no escritório do Mapa no Porto de Itajaí. 
Ação preventiva: “Penha Mais Saúde” orientou população
Apenas um laboratório é credenciado pelo SUS; cota mensal é a mesma há cinco anos. A demora por exames e consultas é uma realidade para toda a população regional que depende do atendimento público. Na Penha, quando o assunto é coleta de sangue, a espera pode chegar a até 60 dias. Um único laboratório é credenciado pelo SUS na cidade. 
Déficit anual do hospital infantil está calculado em R$ 6,8 milhões

Hospitais que atendem a região vão garantir mais leitos de UTI exclusivos pelo SUS. Hospital Infantil Pequeno Anjo tem um custo anual de R$ 12 milhões e a receita, que inclui valores cobrados de particulares, convênios e repasses governamentais, é de R$ 4,4 milhões. O déficit anual está calculado em R$ 6,8 milhões, custeados, até o momento, pela Fundação Univali.

Carroça Legal: pograma foi o pioneiro nessa área em 2009
Controle populacional e prevenção a doenças que podem ser transmitidas aos seres humanos são objetivos da ação realizada no começo do mês. Um mutirão do Departamento de Zoonoses de Balneário Piçarras promoveu a esterilização gratuita de animais domésticos. A ação de controle da população animal desenvolvida no início deste mês é uma parceria com o Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia (IFC) de Araquari e atendeu trinta animais. Novas ações estão programadas para os meses de setembro e novembro.
Precariedade do sistema motiva profissionais a protestar
Em Barra Velha, falta de profissionais compromete a atenção básica e Pronto Atendimento. A nova política do Governo Federal para formação e contratação de profissionais de saúde foi anunciada nesta semana em meio a uma série de manifestações contrárias das principais entidades médicas e cursos superiores. A contratação de médicos estrangeiros, sem revalidação do diploma, e o trabalho obrigatório de estudantes de medicina no Sistema Único de Saúde (SUS) são os pontos mais polêmicos do Programa Mais Médicos. Quem trabalha no setor diz que é preciso definir bem as regras da exigência para que nem a rede pública e nem os profissionais sejam prejudicados. 
X

Right Click

No right click