Publicidade

Beto Carrero

A administração do prefeito Leonel Martins (PSDB) é alvo de mais uma denúncia por falta de transparência. Desta vez, ele é acusado de ignorar pedidos de acesso à informação pública encaminhados pelo Foro Metropolitano da Foz do Itajaí-Açu. Uma ação judicial para que o administrador público respeite a Lei de Acesso à Informação e, principalmente, respeite a população que é a prejudicada pela falta de transparência.

Publicidade

Neste domingo (1º/04) novos pontos de alagamentos foram registrados em diversos pontos da cidade. Ninguém foi desalojado. O cadastro para saque do FGTS para quem foi atingido em janeiro será realizado até dia 27 de abril, na Sociedade Amigos de Penha, das 9 às 15 horas, sem fechar para o almoço.

O objetivo é roubar o boneco de judas da equipe adversária. Em 2017 os representantes do bairro Vila Nova levaram a melhor. Os moradores aguardam ansiosos pela data. Nos dias que antecedem a Sexta-Feira Santa os preparativos já começam com a colheita do fruto. São colhidos quase 50 sacos de limão em plantações no próprio bairro e na cidade de São João do Itaperiú.

Para o sindicato da categoria, o principal motivo para os atrasos é a falta de pessoal. No entanto a direção dos Correios em Santa Catarina alega que o número de funcionários em atividade é o suficiente para suprir a demanda. Empresa diz que o problema está na falta de numeração das ruas. 

Reunião será dia 1º de março, a partir das 19h, na Câmara de Vereadores. Moradores contrários à liberação de grandes prédios na orla criticam a participação de corretores de imóveis na elaboração do Plano e da dificuldade de participar das reuniões do conselho, realizadas sem divulgação e em horários comerciais.  

O acumulado de chuva no município de Penha em janeiro, segundo a Epagri, foi de 419,6mm, volume 120% acima da média para esta época do ano (190 mm). Não há famílias desalojadas, mas algumas áreas precisam de ações para evitar novos deslizamentos e alagamentos.  

Inúmeros moradores já estão pedindo na Prefeitura a revisão da Contribuição ao Sistema de Iluminação Pública (COSIP). É necessário levar o carnê de IPTU e formalizar a reclamação para que o município possa analisar. O Ministério Público deve se pronunciar nos próximos dias a respeito da denúncia feita pelo vereador Thiago Pinheiro (PSB) sobre a ilegalidade da cobrança iniciada neste mês para todos os proprietários de imóveis, sejam eles beneficiados com a iluminação pública ou não. 

Vote e comente:

Foto: Arquivo | Divulgação

O tempo médio de permanência dos internos na instituição aumentou e chegou a 90 dias. O número é satisfatório, segundo o diretor do Sítio, Gilberto Cardozo. Dos 50% dos que ficaram por mais tempo em tratamento, mais da metade concluiu o programa terapêutico, que sugere 180 dias, no mínimo.

X

Right Click

No right click