Publicidade
topo outroolhar
REFLEXÃO

Em plena luz do dia e bem abaixo de nossos olhos

É isto, sim, que está acontecendo em nossos lares

Estão roubando de você que é pai, avô ou responsável

O bem mais precioso que é viver em família.

Será que vocês não enxergam o mal que estão causando

Aos nossos jovens que não conseguem se desprender

Dos jogos mais que viciantes e personagens torpes.

Eles roubam horas preciosas que o cérebro deles precisa

Para viver um mundo irreal que não agrega em nada

Para o futuro de suas vidas, seus sonhos, sua formação.

Até quando vamos ceder a indústria milionária dos games

As custas de nossas crianças que parecem enfeitiçadas?...

Por isso, afirmo que estão roubando, sim, nossas crianças

Da sua privacidade, sua autoestima, do seu amor-próprio

E hoje eles são escravos, no canto da casa, acorrentados

Aguardando um sujeito qualquer, sem experiência de vida

Ditar as regras de heróis sem causa, sem razão de ser.

Eles não só roubam como também sequestram suas mentes

Estão roubando, sim, nossos pequenos. Você não percebe?

Que estão cada vez longe de você, mesmo dentro de casa

Roubaram das meninas as bonecas, a casinha, a leitura

Dos meninos sumiram coma bola, o pega-pega, os amigos.

Até quando vamos permitir este massacre cultural

Que rouba a educação de nossos filhos, o carinho, o respeito?

E ainda pagamos o canal para que eles mostrem coisas erradas

Dentro de nossa própria casa como se fossem deles a família

Enquanto nos omitimos de cumprir o papel de bom educador.

Este é o relato de alguém que se sente impotente

Por não ser mais um protagonista na vida de seus filhos.

Alguém sabe me dizer quem deliberou aos youtubers

Tanto poder de espaço para este conteúdo ilimitado

Pregando a violência, camuflada pelo colorido da telinha

Hipnotizando o desenvolvimento natural de nossos jovens

Com este lixo miserável que não fede, mas contamina.

Admiro-me viver numa sociedade que aponta tantos erros

E ao mesmo tempo é conivente com estes maus tratos

Engessando nossas crianças no sofá como fossem marionetes

E elas inocentes e iludidas, já não sentem sede, nem fome.

Socorro, nossas crianças estão ficando sem cor, sem emoção

Ou você vai dizer que seu filho não é um pobre abandonado?

Menos mal, porque caso contrário, ele não saberia se defender.

Imagine se hoje acontecesse uma tragédia maior que a pandemia

Qual o kit de sobrevivência você teria entregue a quem você ama

Estão roubando, sim, a chance deles enxergarem uma vida melhor

Eles estão sendo tragados por uma espécie de droga lícita

Roubaram deles a paz, a saúde mental, a alimentação e o sono

Você está permitindo que roubem deles a condição de assumir

A mesma responsabilidade como um dia seu pai lhe passou.

Desperte, seu filho está tomando menos sol que um presidiário

Por isso, esta geração merece mais respeito das autoridades

E o seu respeito também. Quem sabe se você der o exemplo!?... 

11 11h recomecar videogame 2 fdbc6

X

Direitos Reservados

No right click