Prezados Varela, Leandro e Jane,
Primeiramente quero agradecer o espaço que o Expresso das Prais tem nos dado para contrapor os argumentos do poder público de Penha com relação a esta questão do saneamento básico que é de extrema importância para a melhoria da qualidade de vida de nossa cidade.


Este papel de esclarecimento que estamos fazendo é fundamental para o processo de transparência e acesso às informações da sociedade, mas venho pedir-lhes a gentileza de que continuemos, senão o processo se perderá e de nada adiantou o que fizemos até o momento.


Sugiro continuar publicando sobre o tema, principalmente no que se refere ao item 2 do e-mail [imagem ] que segue a todos em cópia, que demonstra que o PMSB - 35 anos de concessão visa garantir principalmente a receita/arrecadação para o consórcio vencedor da licitação, visto que do total investido, 18% serão para substituir hidrômetros e isto significa que serão trocados quase 3 vezes os hidrômetros da população residente ao final do PMSB - 49.000 habitantes!!!


É medida internacional adotada, no âmbito da gestão de projetos, injetar mais recursos (mão de obra, máquinas, materiais, ou seja R$) quando se quer reduzir o tempo de entrega das obras!!


E por que a prefeitura não o fez, se estamos falando de um problema de saúde pública?


Além disso, a prefeitura terceirizou o serviço pois alega não ter recursos para as obras - como já passei dados ao Varela, a contrapartida do caso de obras junto à FUNASA é de 2 a 4 % do montante, sendo que devemos mostrar o histórico dos valores gastos pela Prefeitura em salários e encargos de pessoal, que passou de aproximadamente R$ 12 milhões em 2007 para R$ 31 milhões em 2013!!!


A qualidade dos serviços prestados não vai piorar mais do que já está se for reduzida a folha de pagamento, pois sempre foi ruim pela ingerência na cidade em todos as áreas de atendimento!!


É por este motivo que a cidade está neste estado de abandono, descaso total - a maior parte das receitas é canalizada para pagar o pessoal.
Por exemplo, a fila para uma consulta oftalmológica é de julho/2014???


Se não mostramos que existem recursos e que o problema real é a má aplicação dos mesmos, a população nunca será esclarecida.
Estou à disposição para marcarmos uma reunião se for necessário para avançarmos neste tema.


Como estou nesta luta desde 2006 quero deixar claro a vocês que nossa imprensa local nunca teve interesse quando por mim foi procurada para abordagem de temas estratégicos.


Mais uma vez agradeço pela atenção de vocês.


Um abraço.

 

X

Direitos Reservados

No right click