Publicidade

Yukanet

Agentes de Saúde participam do projeto com teatro da Turma do Chaves

A violência infantil, o bullying e a falta de harmonia e respeito entre pais e crianças foi tema de discussão durante a tarde cultural promovida pela Escola Municipal Epifânio Manoel Ignácio, do Bairro Sertãozinho, em Barra Velha. O evento realizado no dia 12 de agosto reuniu aproximadamente 300 pessoas entre pais e alunos. Uma das principais atrações foi a peça de teatro educativa encenada pela equipe da Unidade Básica de Saúde do bairro.  

Caracterizadas, as agentes de saúde interpretaram a turma do Chaves e o cotidiano da vila com casos que acontecem rotineiramente na comunidade local. Logo após o teatro a enfermeira e coordenadora da UBS local, Renata Cristina Santos Oliveira, realizou uma interação com o público presente falando da importância de abatermos o bullying e a violência nas escolas. Para ela, ficou evidenciado durante o debate que grande parte destes tipos de preconceito e violência vem de casa, “pois as crianças acabam se espelhando em seus pais, assim também em suas atitudes.”

Publicidade

Renata Cristina comemora o resultado positivo da participação dos profissionais da Saúde no evento e agradece aos profissionais que voluntariamente participaram do teatro e do projeto.  

- Se ensinarmos nossas crianças a terem respeito com seus colegas de classe e aos seus pais, podemos construir uma sociedade melhor e mais humana, destruindo o preconceito contra raças, religiões ou opções sexuais.

Publicidade
  • 1
X

Right Click

No right click